Data Marketing: já está na hora de basear sua estratégia em dados

Tempo de leitura: 6 minutos

Novos recursos e tecnologias têm permitido a coleta de grande quantidade de dados. Entretanto, apenas a análise dessas informações pode gerar conhecimento e reverter as informações em uma tomada de decisão que vise à estratégia. Esse é o objetivo do Data Marketing.

Em muitas empresas, a grande capacidade de coleta de dados por meio de ferramentas diversas de marketing não se converteu em oportunidades reais de negócios por falhas na capacidade analítica.

Devido a essa característica, muitas companhias ainda demandam muito tempo tentando organizar informações e, na recorrência de lacunas, preenchem esse espaço com decisões intuitivas, mas sem embasamento analítico.

Visando superar essa falha na tomada de decisão, o Data Marketing tem se consolidado como uma opção vantajosa para negócios de diferentes segmentos.

Como aplicar o Data Marketing à estratégia da empresa?

O Data Marketing consiste no uso de dados da audiência para embasar a tomada de decisão da empresa, por meio da melhoria da capacidade analítica e preditiva.

Enquanto os analistas ocupam cerca de 80% do tempo coletando e unificando dados de diferentes plataformas e apenas 20% do tempo analisando as informações, o marketing por dados permite uma mudança nessa divisão, com mais tempo destinado à análise.

A estratégia possibilita o monitoramento, em tempo real, de informações de diferentes plataformas e ações de marketing, como mídias sociais, site, blog, e-mail marketing, SAC, anúncios etc. Veja algumas oportunidades geradas:

Monitoramento de dados nas redes sociais

O monitoramento das mídias sociais para identificar tendências e padrões de comportamento dos clientes não é referente apenas às interações diretas com a página da empresa. Os dados podem ser coletados a partir de hashtags, grupos, concorrentes e outras fontes que sejam relevantes para o negócio.

Utilizando Big Data, é possível analisar dados estruturados e não estruturados, como imagens, vídeos, documentos e outros, aumentando a capacidade de prever tendências e identificar padrões que tornem a estratégia mais assertiva.

Uma vez que as mídias sociais também são usadas como canal de relacionamento com o cliente e o SAC, essas informações devem ser corretamente integradas e analisadas em conjunto com os outros canais de atendimento visando aumentar a eficácia da análise.

Assertividade nas ações de marketing

Devido à alta capacidade de coletar e analisar dados estratégicos sobre o cliente, o Data Marketing permite melhorar as informações sobre o perfil do consumidor, otimizando a criação das personas.

Com isso, podem ser aprimoradas estratégias como site da marca, blog e e-mail marketing, identificando com mais precisão as fases da jornada de compra, os conteúdos referentes a cada etapa e as abordagens que têm proporcionado melhores resultados.

A integração dos dados analisados em diversas plataformas auxilia a empresa a detalhar o caminho traçado pelo usuário desde a primeira conversão até o momento do fechamento, também inserindo na análise os dados coletados nas mídias sociais, anúncios pagos, landing pages e demais estratégias.

Ao proporcionar uma visão completa das ações de marketing e o resultado integrado das estratégias, o Data Marketing oferece mais clareza ao processo de direcionamento do orçamento de marketing e tomada de decisões, pois indica com precisão quais estratégias têm dado resultado e o que pode ser melhorado.

Otimização do ROI

O acompanhamento das campanhas e soluções empregadas permite que a empresa defina qual tem a melhor performance, qual precisa de ajustes, qual a função de cada ação na jornada de compra etc.

Ao oferecer um conhecimento embasado em dados, esse tipo de marketing possibilita que as decisões sejam tomadas estrategicamente, com base nas métricas analisadas, gerando melhoras significativas no fluxo de nutrição de leads.

Por exemplo, determinada mudança em uma campanha terá uma justificativa objetiva, condizente com as métricas analisadas, e a alteração poderá ser igualmente analisada, mostrando se foi efetiva ou não.

Ao realizar mudanças com foco em resultados, a empresa consegue otimizar os recursos e assim obter um ROI (retorno sobre o investimento) maior.

Marketing preditivo

O Data Marketing voltado para a capacidade preditiva corresponde a usar o conjunto de informações analisadas para obter insigths sobre o negócio, o comportamento de compra dos consumidores, o mercado, a concorrência etc.

Com essas informações, é possível preparar-se para mudanças no mercado, prever novas tendências e direcionar investimentos de acordo com essas novas oportunidades identificadas.

Como os dados contribuem na tomada de decisões do negócio?

Uma vez que o Data Marketing oferece oportunidades de previsão e análise mais completa de dados, é necessário que a empresa tenha uma estratégia para inserir esse conhecimento no processo de decisão do negócio.

Devido ao alto número de informações coletadas e analisadas pela solução, separar o joio do trigo é essencial para não perder o foco em meio à vastidão de dados. Dessa forma, a estratégia torna-se mais eficaz quando direcionada a responder perguntas específicas sobre o negócio.

Você pode dividir esse processo de transformação de dados em decisões de negócio seguindo o seguinte fluxo:

  • identifique o que será analisado a partir de uma ideia ou dificuldade encontrada em uma ação;
  • a partir da questão inicial, formule uma pergunta clara sobre o problema ou oportunidade;
  • direcione a análise de dados para responder objetivamente à pergunta formulada anteriormente, identificando quais métricas devem ser acompanhadas;
  • crie um relatório que responda à pergunta a partir dos dados analisados;
  • com as informações sistematizadas, tome uma decisão prática sobre a questão, seja uma mudança, seja uma otimização, um corte etc.
  • mensure o impacto da solução adotada reiniciando o processo de análise.

A definição de uma pergunta específica é importante para que não haja desvio do foco, fazendo com que a análise de dados torna-se um problema por apresentar empecilhos na hora de gerar conhecimento de negócio e revertendo em uma tomada consciente de decisões.

Os relatórios podem ser direcionados à análise da estratégia de mídias sociais, blog, site, e-mail marketing, ROI, custo de aquisição de cliente, etapas da jornada de compra etc.

O essencial é que a equipe de marketing identifique quais áreas têm apresentado maior debilidade de resultados e quais dados podem ser analisados para aumentar o conhecimento sobre o comportamento do consumidor e do mercado.

O objetivo do Data Marketing é aumentar o know how sobre o negócio a partir da análise de dados que direcionem a estratégia de marketing da empresa, auxiliando na tomada de decisão do negócio.

Pensando em investir em Data Marketing na sua empresa? Compartilhe a sua experiência conosco nos comentários, ficaremos felizes em ajudá-lo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *