Conheça as 5 perguntas que você deve fazer à sua Buyer Persona

Tempo de leitura: 2 minutos

Se você já construiu ou pretende construir o perfil de uma Buyer Persona, provavelmente já se deparou com uma dificuldade bastante comum: quais e quantas perguntas fazer?

Na verdade, não existe uma resposta padrão para essa dúvida, pois o questionário sempre dependerá da natureza e da complexidade do seu negócio.

Entretanto, alguns aspectos são essenciais para se criar uma representação consistente do seu cliente ideal, que valide sua estratégia. É o que você vai conferir neste post, acompanhe:

1. Dados pessoais

A princípio, toda persona tem nome, idade, sexo. Além disso, ela tem uma família, mora em algum lugar, relaciona-se com outras pessoas e possui um histórico de vida.

As perguntas de âmbito pessoal ajudam a compreender o grau de maturidade da persona, destacando quem são os seus maiores influenciadores durante todo o processo de tomada de decisões.

2. Informações ligadas à profissão

Qual sua rotina de trabalho? Quais suas principais responsabilidades? Quais suas principais dificuldades no trabalho? Onde a persona costuma buscar informações? Qual sua formação?

Perguntas como essas ajudam a compreender o nível de instrução da persona, além de fornecerem insights valiosos sobre a sua carreira profissional, o que é de suma importância para definir qual tipo de linguagem será melhor absorvida por ela e em qual suporte o conteúdo será mais aceito.

3. Costumes e hábitos de consumo

Quais os hábitos de consumo dessa persona? Ela possui hobbies? Onde gosta de ir quando quer se divertir? É religiosa? Como consome informações?

Essas perguntas podem parecer superficiais ou desnecessárias em um primeiro momento, no entanto, elas trazem respostas que se transformam em ganchos eficientes nos conteúdos produzidos para as personas.

4. Principais problemas enfrentados

Essa série de perguntas talvez seja a mais importante em qualquer questionário, pois todos os posts, e-books, infográficos, ou seja, todo material rico produzido para a Buyer Persona terá a intenção de resolver alguns dos seus problemas.

Para detectar as “dores” de seu cliente ideal, relacione-as com as características do produto ou serviço da sua empresa. Alguns exemplos de problemas mais comuns são:

  • desperdício de tempo ou dinheiro;
  • incapacidade para realizar alguma tarefa;
  • frustração com determinado serviço etc.

5. Possíveis objeções

Outra série de perguntas de grande importância na hora de planejar a Buyer Persona é determinar as objeções do cliente ideal em relação ao produto ou serviço da empresa, como alto custo, demora para entrega ou características pouco claras.

Com essas respostas, o estrategista poderá focar nos pontos fracos e fortes do negócio, neutralizando os primeiros e aprimorando os segundos.

Mas cada estratégia é única, portanto, conhecer profundamente o negócio da empresa é imprescindível para que as perguntas escolhidas sejam as mais exatas possíveis.

Lembre-se: quanto mais informações, mais seu mapeamento será capaz de se tornar o fio condutor do marketing de conteúdo da sua empresa.

Gostou deste post? Está querendo saber mais sobre Buyer Persona? Que tal curtir a nossa página no Facebook para ficar por dentro de mais assuntos como esse?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *